Viper volta em clima de nostalgia

Da esquerda para a direita: Pit Passarell (baixo), Felipe Machado (guitarra), André Matos (vocal), Hugo Mariutti (guitarra) e Guilherme Martin (bateria)

Da esquerda para a direita: Pit Passarell (baixo), Felipe Machado (guitarra), André Matos (vocal), Hugo Mariutti (guitarra) e Guilherme Martin (bateria)

Por Felipe Branco Cruz

A última vez que Andre Matos, Pit Passarell, Felipe Machado e Guilherme Martin tocaram juntos foi há 22 anos, em 1990. Hoje, às 22h, no Central Rock Bar, em Santo André, no ABC. A formação clássica da banda de heavy metal Viper voltará a se reunir, desta vez com Hugo Mariutti nas guitarras no lugar de Yves Passarell, que está tocando com o Capital Inicial. Yves, no entanto, fará uma participação especial no show que será realizado em São Paulo, no dia 1º de julho, no Via Marquês. Essa mesma apresentação será gravada e depois lançada em DVD. No repertório, a banda tocará na íntegra, pela primeira vez, os álbuns Soldiers of Sunrise (1987) e Theatre of Fate (1989). “Nos reunimos para celebrar os 25 anos do lançamento de Soldiers of Sunrise”, disse o guitarrista Felipe Machado.

Quando lançaram o álbum, lembra Machado, os integrantes tinham entre 15 e 16 anos. “Agora eu estou com 41 anos”, diz Machado. “Foi bom que começamos a carreira cedo e agora dá para fazer esse show de comemoração com um certa energia”, completa. No início do mês, a banda fez uma apresentação no Altas Horas, de Serginho Groisman. A maioria dos presentes nem era nascida quando o álbum foi lançado. “Tem muita gente que nunca viu essa formação tocar ao vivo. Acho que o show vai atrair uma mistura de públicos mais novos e os daquela época”, explica Machado.

Batizada de To Live Again Tour, a turnê passará pelas principais capitais brasileiras. A banda, porém, não fará ainda nenhum show na Europa nem no Japão, onde ficou bastante conhecida. “Recebemos algumas propostas e estamos estudando os convites”, revela o guitarrista. “Divulgamos a reunião da banda nas redes sociais e tivemos um retorno dos fãs muito grande”, conta Machado. “Fiquei lembrando de como fazíamos no passado para divulgar o grupo. Era muito difícil. Tinha que espalhar panfletos, ir nas rádios. Agora tudo é mais rápido”. Foi a partir das redes sociais que Felipe Machado e a banda perceberam que era hora de voltar.

“Desde que nos separamos, o Guilherme Martin sempre pedia para tocarmos novamente esse repertório”, diz o guitarrista. “Decidimos, então, que era a hora.” A turnê, no entanto, será apenas comemorativa – a banda não tem planos para um novo álbum. Felipe Machado, porém, não descarta a possibilidade. “Imagina que legal seria se Pit e Andre Matos voltassem a compor juntos?”

Fonte: http://blogs.estadao.com.br/jt-variedades/viper-volta-em-clima-de-nostalgia/

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s